Um novo recomeço! É assim que a família do senhor Raimundo Sérgio Alves Assunção, 42 anos, (foto sentado) relatou o fato neste sábado, dia 06, após o reencontro dele na cidade de Patos após mais de 23 dias de desaparecimento. A família é de Iguatu (CE) e estava desesperada com o sumiço de Raimundo.

familia-de-iguatu-reencontra-homem-que-havia-desaparecido-na-cidade-de-patos

Os parentes estavam à procura de Raimundo Sérgio que havia saído da cidade de Iguatu para realizar vendas na cidade de Patos. Os familiares estranharam a falta de contato telefônico e o não retorno de Raimundo Sérgio para a cidade natal como sempre ocorria ao se passar uma semana.

Neste sábado, dois irmãos de Raimundo e um cunhado decidiram vir a cidade de Patos para realizarem uma busca na tentativa de reencontrá-lo. Nas primeiras horas da manhã a família iniciou às buscas, mas até às 14h00 não houve nenhuma notícia que levasse ao encontro dele. A irmã de Raimundo, Ruthe, buscou a ajuda do Patosonline.com para auxiliar na procura.

Poucos minutos depois da publicação no Patosonline.com, o jovem estudante universitário Wallison Uriel reconheceu Raimundo Sérgio através da foto publicada. Uriel fez contato com Jozivan Antero e disse que o homem desaparecido permanecia em um casebre nas proximidades do Canal da Palmeira. Ele estava sujo, maltrapilho e estava consumindo bebidas alcoólicas há vários dias com outros homens.

A redação fez novo contato com a família e deu a notícia. A alegria tomou de conta dos familiares que estavam perdendo as esperanças de reencontrar Raimundo Sérgio. Eles foram até o local e encontraram Raimundo em meio aos demais homens que são conhecidos na localidade pelo intenso consumo de bebida alcoólica.

Raimundo se alimentava graças a solidariedade das pessoas humildes da própria comunidade. Uma vizinha relatou que na sexta-feira, dia 05, havia dado um prato de comida a Raimundo que era sempre muito educado e agradecido pela ajuda diante do momento. Alguns vizinhos posaram para uma foto ao lado de Raimundo e da sua família.

No casebre insalubre, sem energia elétrica e com colchões espalhados no vão de entrada Raimundo estava deitado e com aspecto de desleixado por ocasião da doença do alcoolismo. Raimundo permaneceu todo tempo calado e se percebia um profundo sentimento de impotência diante da situação que ele se encontrava. Graças a uma família que o ama Raimundo tem a oportunidade de um novo recomeço.

Fonte: Patos Online

Pessoa Reencontra família